A Zona da Mata concentra o maior polo de piscicultura ornamental da América Latina

  • por

A Zona da Mata concentra o maior polo de piscicultura ornamental da América Latina

O maior pólo de piscicultura ornamental brasileiros e concentra em Minas Gerais na
Zona da Mata Mineira, representado por sete municípios onde se encontram pequenas
propriedades com pequenos viveiros instalados, podendo ter também estufas para manter a temperatura de certas espécies e até o armazenamento de rações dentro das residências dos proprietários, demonstrando a importância econômica dessa atividade para esses produtores rurais

A produção se concentra nas cidades de Muriaé, vieiras, Patrocínio do Muriaé Miradouro e São Francisco do gloria.

A criação de peixes ornamentais popularizou-se na Zona da Mata Mineira como uma alternativa de renda para famílias de áreas rurais. Além do clima favorável, da grande disponibilidade de água e da proximidade com os grandes centros, a região tem atraído um grande número de produtores, principalmente familiares, devido à vantagem de ser uma atividade barata e de rápido retorno econômico.

Anualmente, cerca de 12 milhões de unidades de peixes ornamentais são comercializadas em Minas Gerais. Estima-se que mais de 100 de espécies são cultivadas em diferentes sistemas de produção, com destaque para aquelas que necessitam de pouca técnica de manejo e que são, em geral, muito prolíferas, tais como betta, espada, platy, molinésia, tricogaster e colisa.

Criar peixe ornamental é um excelente negocio, caso deseja iniciar uma criação, primeiro você precisa se profissionalizar

Ser um profissional em Piscicultura ornamental é muito fácil, e você pode estudar em sua casa, pelo seu computador ou telefone

Matricule-se agora mesmo no curso Online De Piscicultura Ornamental

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *